quinta-feira, 12 de maio de 2011

Impactado pela Cruz

Desde pequeno, tive contado com a bíblia e muitas oportunidade de conhecer mais as escrituras, coisa que não ocorreu. Os anos se passaram e fui levando a vida como queria. Apesar de minha mãe freqüentar a igreja, eu nunca consegui (ou não quis) me firmar. Podem perguntar: - Mas você é evangélico agora, como aconteceu? Após compreender a mensagem da cruz. Desde garoto sempre soube que Jesus havia morrido crucificado e que ao terceiro dia ressuscitou, mas só quando finalmente entendi algumas coisas sobre sua morte não pude mais ficar indiferente. Agora pode surgir outra pergunta: - Mas o que você entendeu sobre a cruz? Que a cruz é a história de um Deus que ama e deseja salvar toda sua criação, cada uma das criaturas, dando-lhes vida e vida abundante.
Vamos a alguns pontos então. Não podemos separar a cruz da vida e ressurreição de Jesus, porém, vejo a cruz como o ponto mais alto do amor de Deus pelos homens, onde através de Cristo Jesus, se deu para redenção dos pecados da humanidade, do Éden ate os dias de hoje. A cruz rasgou o véu, e nos aproximou de Deus. Ao crucificar Jesus a humanidade estava dizendo “Não” a Deus por causa de interesses terrenos, coisas passageiras. Mas Deus com seu incomparável amor, imensa sabedoria e habilidade de dar um bom direcionamento ate mesmo aos nossos maus atos, disse “SIM” a humanidade se dando por intermédio de seu filho como sacrifício vivo em expiação pelo homem, “Mas ele foi transpassado por causa das nossas transgressões, foi esmagado por causa de nossas iniqüidades; o castigo que nos trouxe paz estava sobre ele, e pelas suas feridas fomos curados.” (Isaías 53:5), e assim, nos concedeu a salvação e vida eterna.
Ate quando estava pregado no madeiro, Jesus continuou a nos ensinar, por exemplo, amar e perdoar, mesmo em uma situação extrema ele intercede por nos “Pai, perdoa-lhes, pois não sabem o que estão fazendo” (Lucas 23:34). Ou que pouco importa o nosso passado, se o reconhecermos como Senhor e tivermos fé, seremos salvos, “Então ele disse: Jesus, lembra-te de mim quando entrares no teu Reino. Jesus lhe respondeu: Eu lhe garanto: Hoje você estará comigo no paraíso” (Lucas 23:42-43).

Estas são algumas coisas que pude entender a cerca da cruz. Aproveito para fazer uma reflexão.
Com a morte de Jesus a própria natureza foi tocada, em Mateus 27 vemos no versículo 45 “E houve trevas sobre toda a terra, do meio-dia às três horas da tarde” e no 51b “A terra tremeu, e as rochas se partiram”. Então por que temos que ser tão indiferente? Será que o coração do homem é mais duro que a rocha, onde mesmo diante de tal sacrifício não conseguimos nos sensibilizar e aceitar o amor incondicional de Deus? Viver para servir é algo notável e admirável, mas viver e morrer para servir remete a um amor esplêndido, maravilhoso, digno de todo respeito, toda honra. Cristo fez isso, e sua morte foi por você, foi por mim, foi por todos nós.
Que tal abrir seu coração e aceitar Jesus como senhor e salvador? E Ele vera que não foi em vão seu sacrifício. Pois esse é o verdadeiro significado do calvário. A mensagem da cruz alcançando e impactando corações.

Que Deus os abençoe!

Nenhum comentário:

Postar um comentário